Rótulos Del Rei ganham três ouros em concurso

O Rio Grande do Sul tem se destacado e muito em vários concursos nacionais e internacionais de vinhos. E se o reconhecimento vem de fora, a valorização interna também se faz presente. E é assim que o Concurso dos Melhores Vinhos de Caxias do Sul, realizado ano a ano no mês de agosto, chegou à décima quarta edição fortalecida pelo tema “A alma de um povo”. Participaram desta edição 52 vinícolas que inscreveram até cinco amostras cada uma. Sendo permitido somente lotes de no mínimo 20 mil litros. Desde primeiro de junho, o corpo de jurados formado por 32 enólogos se dividiram em grupos de cinco que se reuniam para fazer avaliações sensoriais de cada amostra. O objetivo é pontuar os rótulos dentro de parâmetros pré-definidos, sendo que acima de 90 pontos classifica-se o rótulo como Ouro; de 85 a 89 como Prata e abaixo de 85, a bebida conquista Medalha Honrosa.

 Das 245 amostras avaliadas o destaque foi a Vinícola São Luiz, produtora dos vinhos Del Rei. Os rótulos Del Rei tinto seco Bordô e Del Rei branco seco Niágara conquistaram a pontuação máxima e ficaram com o título de bi-campeões já que em 2010 repetiram o feito. Outro destaque da Vinícola São Luiz foi o Suco de Uva tinto integral, que também foi Ouro. Quem quiser degustar os premiados, encontram os produtos em Curitiba nas  lojas Família Scopel Cave & Emporio. São dois endereços, Av. Garibaldi Garibaldi 1047, fone 41-3254 6016, e Rua da Paz, 575, fone 41-3013 6016. Mais informações no site www.familiascopel.com.br.





Degustação vertical Catalina

A importadora Vinoteca Brasil elaborou mais um evento enogastronômico para apresentar novidades aos seus convidados e clientes. Desta vez, o jantar contou com uma degustação vertical, formato que se constitui de duas ou mais garrafas de um mesmo vinho, de safras diferentes. No início de agosto, Luiz Fernando Jativa, proprietário da importadora e o enólogo chefe da vinícola Santa Ema, Andrés Sanhueza (foto), fizeram questão de servir o vinho ícone da bodega, o Catalina Gran Reserva Premium, do qual foi servido seis diferentes safras: 1998, 2001, 2003, 2005, 2006 e 2007. No evento, realizado no Chalet Suisse, também foram harmonizados os pratos Vol-Au-Vent de Frutos do Mar à la Creme, Filet Mignon ao molho Rôti e de sobremesa sorvete de creme com amoras flambadas.

IMPRESSÕES DA VERTICAL CATALINA

1998: nesta safra ainda o corte era bordales (cabernet sauvignon, cabernet franc e merlot), demonstrando o potencial de envelhecimento do Catalina.

 

2001: nesta safra inicia o corte que deu a particularidade do Chile, onde a uva merlot foi sbstituida pela carmenere.

 

2003: eleita pelo Enólogo Andres Sanhueza a melhor  safra da noite.

considerada por ele uma safra tecnicamente muito boa.

 

2005: eleita pela maioria dos convidados da noite. Como a colheita contou com temperatura muito alta, fez esta safra ter uma evolução mais rápida.

 

2006: por ser uma safra mais recente nao chamou tanto a atenção dos participantes, mas demonstrava na taça o potencial, a sutileza e a elegância do Catalina.

 

2007: a ultima safra, considerada pelo enólogo a safra perfeita tecnicamente com 92 pontos WS, continuara garantindo aos consumidores de Santa Ema o valor do Catalina, um dos vinhos mais elegantes e sofisticados que o Chile produz. Fotos: Priscilla Fiedler





Promoção especial de vinhos na Maison des Caves

A Maison des Caves do ParkShoppingBarigui realiza entre os dias 27 de agosto e 11 de setembro de 2011, a promoção Mania de Vinho, com descontos de até 45% em 20 rótulos de diversas vinícolas.

 

Destaque da promoção, o vinho Fantelli Malbec, da região de Mendoza, na Argentina, está com um desconto imperdível de 45%: de R$ 34,00 por R$ 18,70. De cor vermelho violáceo com reflexos rubis, possui aroma de frutos vermelhos maduros. Na boca, as frutas com toques de especiarias formam taninos suaves.

 

 

Outro vinho que participa da ação é o Meerendal Cabernet Sauvignon, grande tinto sul-africano que alcançou a pontuação de 3 estrelas de Jonh Platter, o mais reconhecido crítico de vinhos da África do Sul. Com passagem de 12 meses em barricas de carvalho francês, apresenta aromas de ameixas, cassis, baunilha e caramelo. Seu valor unitário é R$ 95,00 e, na compra de três garrafas, o cliente paga apenas duas: R$ 190,00.

 

 

Também sul-africano, o rótulo Juno Shiraz ganhou uma condição especial: Ao adquirir duas garrafas no valor de R$ 70,00 (a unidade custa R$ 35,00), o cliente escolhe a terceira, que pode ser um Juno Rosé ou Juno Chardonnay. A mesma regra vale para o vinho Juno Cabernet Sauvignon/Merlot. O Juno Shiraz proporciona notas clássicas como pimenta preta, especiarias e frutas vermelhas maduras, como compota de amoras, que se misturam em uma explosão de sabores. A combinação de paladares é igualmente o ponto alto do Juno Cabernet Sauvignon/ Merlot. Elaborado com estas duas excelentes uvas, possui um ótimo corpo e fácil degustação.

 

 

Por fim, o vinho Tizac Shiraz Reserva 2008, da região de Valle de Fiambalá, na Argentina, também participa da Mania de Vinho: de R$ 47,00 por R$ 40,00. Elaborado com uma mistura fantástica, possui aromas de frutas negras bem maduras, como ameixas e cerejas, além de notas tostadas de caramelo e baunilha e uma sutil nota de especiaria. Na boca, destacam-se as frutas vermelhas com a presença de taninos doces.

 *Promoção não cumulativa, válida até 11/09/2011 ou término do estoque.





Hoje tem ciclo Bossa Nova & Vinho na Grand Cru

O frio curitibano é um convite ao ciclo Bossa Nova & Vinho, promovido pela loja e bar de vinhos Grand Cru. Com entrada franca, o evento terá nesta semana canções de João Gilberto como atração a partir das 18 horas.  A cantora Maytê Corrêa (foto) comanda o microfone no wine bar, ao lado dos músicos  Mário Conde, no violão, e Victor Bertrami, na percussão.





Direto dos pampas argentinos

A importadora Porto a Porto trouxe, neste mês de agosto, mais uma novidade: os molhos da marca argentina Pampa Gourmet, a base de frutas, condimentos e o tradicional mel argentino. Os produtos provenientes da Província de Buenos Aires são elaborados com os melhores ingredientes, que são combinados para garantir aromas e sabores únicos.

 

Molho Chimichurri com Vinho Malbec

Entre os destaques da Pampa Gourmet, o Molho Chimichurri com Vinho Malbec (250g a R$ 11,90), Teriyaki com Molho de Soja, Gengibre e Vinho Torrontés (285g a R$ 11,90), Molho para Carnes com Frutas, Mel e Especiarias (300g a R$ 11,90), Molho Picante de Manga, Maçã Verde e Especiarias (285g a R$ 11,90), Molho de Frutas Vermelhas, Vinho Malbec e Mel (300g a R$ 11,90), e o Molho de Ameixa, Gengibre, Molho de Soja e Vinho Torrontés – tipo Hoisin Pampa (280g a R$ 11,90).





Jantar Harmonizado hoje na La Vinothèque

A La Vinothèque promove hoje, às 20h, um jantar harmonizado com vinhos argentinos, chilenos e sul africanos. O cardápio será elaborado pela chef Ana Claudia Spengler e a harmonização pelo enólogo Alcioni Dümes. O investimento é de R$ 130,00. A La Vinothèque fica na Rua Saldanha Marinho, 1487, no Batel. Informações: 41 3077 1020.

 

Menu:

Bisqué de Camarão

Vinho: Vinho Avondale Rosé (Muscat Frontignon e Mouvedre) – África do Sul

 

Tortinha de Pato com Amêndoas laminadas e canela

Vinho: Indomita S. V. Pinot Noir 2010 (Cool Climat Wine Casablanca)

 

Degustação especial de Cabernet Sauvignon (às cegas)

 

Medalhão de Filet recheado com alho poro e bacon, gnocchi de batata salsa ao molho de requeijão e crocante de alho poro

Vinho Rosedal malbec 2005 (100% Malbec com 90 pts RP – Mendonza) – Argentina

 

Cheesecake de pêra com gengibre

Vinho Late Harvest Casa Silva (Semillon / Gewürztraminer) – Chile

 





Hoje é dia de premiação VEJA CURITIBA Comer & Beber 2011/2012

Hoje é o dia da badalada festa de premiação dos vencedores da VEJA CURITIBA Comer & Beber, no Espaço Torres. A edição, que chega às bancas na segunda quinzena de agosto, vai eleger os melhores restaurantes, os bares mais badalados e as opções mais deliciosas de comidas. Vamos aguardar para conhecer quem serão os melhores da cidade, segundo a “Vejinha”.





Wine Dinner Top no Restaurante Durski

Na última semana, início de agosto, o Restaurante Durski trouxe à Curitiba um espetacular Wine Dinner.  Os presentes tiveram a oportunidade de degustar 10 dos considerados melhores rótulos do mundo (entre vinhos e champagnes).               

 

 Três dos 4 melhores champagnes do mundo harmonizaram o menu, assim como o excepcional Château D´Yquem (considerado o melhor vinho branco doce do mundo). Os DRC (Domaine de La Romaneé Conti), indiscutivelmente os melhores vinhos da Borgonha, também estavam presente com três rótulos. O Cheval Blanc, um dos melhores vinhos de Bordeaux, e o Montrachet 1988.

 

 O jantar foi apresentado pelo enófilo Guilherme Rodrigues que, ao lado do chef e proprietário da casa Junior Durski, elaborou o menu harmonizado. Fotos: Kraw Penas            





Jantar harmonizado no Arragui Bistrô Bar

Jantar harmonizado no Arragui Bistrô Bar em parceria com a Cantu, hoje, às 20h, um jantar de harmonização. No menu, cinco pratos da alta gastronomia compõem a degustação. Dentre os destaques da noite, camarão grelhado acompanhado por harito blanc (feijão branco na manteiga) e azeite de trufas brancas, e caneloni recheado de duxelle de cogumelos com molho roti e lardo de collonnata. Além de apreciar a gastronomia do chef Raul Carrasquillo, os participantes poderão conhecer mais sobre os vinhos contemplados no jantar, na palestra com o sommelier do grupo Pão de Açúcar e consultor em vinhos, Rodrigo Fumagalli. A harmonização custa R$ 120 por pessoa. As reservas podem ser feitas pelos telefones 3068-6422 e 9244-5985 ou no local, Alameda Princesa Izabel, 405 – Mercês.

 

 





Degustação de vinhos Húngaros e Tunisianos no Trevenzuolo

Hoje, a partir das 20h30, tem degustação comentada de vinhos húngaros e tunisianos no Restaurante Trevenzuolo.  Além dos famosos Tokaji, será servido paralelamente vinhos tintos da Tunísia, um dos berços da vinicultura mundial. As explanações serão feitas por César Travensolli. Acompanhando a degustação serão servidos pães, queijos e salames. O Trevenzuolo fica na Rua Edson Campos Matesich, 1010, em Santa Felicidade. Investimento R$ 65,00. Informações: 41 3296-3726.

 

Confira a relação dos vinhos degustados:

 

Claudius Caesar Extra Dry / Hungria – Espumante

Balatoni Irsai Oliver 2008 / Hungria – Branco

Tokaji Hárslevelu 2008 / Hungria – Branco

Chateu Mornag Gran Cru Carignan Syrah Merlot 2006 / Tunísia – Tinto

Les Domaines de Carthage Syrah 2009 / Tunísia – Tinto

Tokaji Furmint Late Harvest 2008 / Hungria – Branco

Tokaji Aszú 3 Puttonyos 2005 / Hungria – Branco

 





Harmonização de Pestiscos no Bar Brahma é um sucesso

O Bar Brahma apresentou para convidados e imprensa uma possibilidade um tanto inusitada par harmonização. A casa resolveu demonstrar que rótulos de qualidade fazem uma perfeita combinação com petiscos. O proprietário do restaurante, João Guilherme Leprevost juntamente com Josiane Kotelak e Alexandre Milczewski da Grand Cru, apresentaram a nova carta de vinhos do local. No cardápio, a harmonização de Carne de Onça com Espumante Brut; Croquetes Blumenau com Escorihuela Família Gascón Chardonay; Batata Suíça com Redfree Pinot Noir e Tábua de Frios com Tabalí Reserva Syrah. Os que ficaram curiosos podem conferir as novidades, o Bar Brahma fica na Avenida Presidente Getúlio Vargas, 234. 

Carne de onça com espumante Nocturno Brut

 

Croquetes Blumenau com Escorihuela Família Gascón Chardonay

 

Batata Suíça com Redfree Pinot Noir

 

Tábua de Frios com Tabalí Reserva Syrah





Curso de Vinhos para iniciantes na La Vinothèque

 A La Vinothèque promove amanhã, a partir das 20h, um curso de vinhos para iniciantes. Com duração de três horas, o curso será ministrado pelo enólogo Alcioni Dümes. O investimento é de R$ 80,00. A La Vinothèque fica na Rua Saldanha Marinho, 1487. Informações 41 3077 1020